Editora

Volume 02 - GUERREIR@S DO TERCEIRO MUNDO, de Fabricio Mota

ISBN 978-85-65792-02-8
192 páginas
2012
 
Música e movimentos sociais formam, neste livro, um duo, cuja análise permite compreender a ação dos grupos humanos e suas estratégias de mobilização e intervenção na vida pública. Fabricio Mota discute a mobilização dos negros na Bahia depois da fase de reafricanização do carnaval (1970), para demonstrar como o reggae foi decisivo na luta pela afirmação dos descendentes de africanos no país.
Centrado no período de irrupção do reggae (1980 a 1990), parte do suposto de que o gênero musical amparou os sentidos de pertencimento do negro, fornecendo para a juventude inspiração e estímulo no combate à discriminação. Aqui, o leitor encontrará elementos importantes para compreender as relações étnicas e raciais em nosso país e como a arte, em geral, e a música, em particular, guardam íntimas relações com a dinâmica da realidade. Cantores, compositores e bandas, que integram o material empírico do texto, nos revelam como o estilo estético do reggae criou na Bahia novos referenciais identitários e enriqueceu sobremaneira a nossa história musical.

Clique aqui para download gratuito da versão em pdf.